Associação Mãos-Unidas Padre Damião.

Padre Damião de Veuster.
A Associação Portuguesa de Solidariedade Mãos Unidas P. Damião, é uma instituição Particular de Solidariedade  Social (IPSS) e uma ONGD (Organização Não governamental para o desenvolvimento). Esta associação também localiza-se  noutros países. A acção interventiva desta associação começou a partir de 1998.
A grande aspiração da Associação é o Padre Damião, pois teve um papel fundamental a nível de solidariedade. Dedicou toda a vida a cuidar de doentes com lepra, arriscou a própria saúde em favor de um bem maior, pois na altura os leprosos eram exilados na ilha de Maldita do Molokai, porque a doença era altamente contagiosa. Padre Damião acabou por morrer vitima da doença, a 15 de Abril de 1889.
A Associação Mãos Unidas Padre Damião-Portugal surgiu devido à boa vontade e solidariedade das pessoas, em contribuírem verdadeiramente, para o desenvolvimento de um mundo mais justo e mais humano.
No nosso país a Associação luta contra as doenças tropicais, tais como: a Lepra, tuberculose, Malária, Cólera, Poliomielites, Doença do sono e a Sida.
Também debruça-se sobre questões: da deficiência quer física ou psicológica; sem-abrigo; crianças e adolescentes da rua e crianças órfãs.
No mesmo âmbito de acção, prestam assistência material, sanitária e moral a todos os seres humanos, vítimas das catástrofes naturais, tais como: temporais, inundações, ventos ciclónicos, sismos, conflitos/guerras e incêndios. 
Proporcionam várias actividades tanto a nível nacional como internacional. A associação colabora com 26 países : 12 em África, 8 na Ásia, 5 na Ámerica Latina e 1 na Europa. Apoiam 25 centros de cura de Doentes de Lepra, 13 Centros de Cura de doentes de Tuberculose, 12 projectos de luta contra a malária , clera e poliomielite(paralisia Infantil), 18 centros de Apoio Domiciliário aos Doentes Terminais de SIDA, 27 Orfanatos/ Centros de Acolhimento para Crianças Órfãs e de rua, 2 centros de Apoio aos Refugiados e Sem- Abrigo, 13 Centros de Ajuda a Crianças Deficientes Físicas/Profundas/Mentais e Mutiladas, 2 centros de Apoio/ Centros de Dia  para Mães Solteiras e para as Mulheres que querem deixar a prostituição, 13 Cantinas /Refeitórios  e Centros de Acolhimento, 5 Projectos de ajuda  às vítimas dos sismos/maremotos e dos conflitos/guerras; 7 centros Médicos /Posto de Saúde e 3 Centros  Alimentares Contra  Fome e Pobreza em Portugal.
Associação Mãos Unidas tenta chegar aos que mais precisam através da solidariedade e assistência humanitária, e apela a todas as pessoas a contribuírem de alguma forma, para que haja menos casos e menos mortes , pois uma ajuda pudera ajudar muitas pessoas, que infelizmente vivem em circunstancias miseráveis.

Porque somos pela vida, o trabalho da Associação Mãos Unidas P. Damião emerge do direito fundamental de todos os seres humanos a terem acesso a cuidados de saúde, independente da nacionalidade, religião, ideologia ou raça. Queremos dignificar o doente, esteja ele onde estiver.”

Associação Mãos Unidas


Posted in Uncategorized | Leave a comment